Adoro Um Negao Gozando Dentro Da Minha Buceta

Adoro Um Negao Gozando Dentro Da Minha Buceta

Adoro Um Negao Gozando Dentro Da Minha Buceta

Eu tava louco de tanto tesão de ver aquelas cenas,me aproximei de Jobson e fiquei de 4 como eles estavam e Geraldo comentou; o outro também quem pica…vamos lá…tirou do cú do Jobson,passou gel no meu cú e meteu…tirava de mim,metia no Jobson…eu queria aquele caralho mais dentro de mim…depois pedi ao Expedito que metesse em mim,ele tirou do cú do Anderson e meteu em mim…estávamos loucos pra gozar…foi quando o Geraldo falou que queria ver nós 3 gozando e nos mandou ficar de frango assado;Eles ficavam revesando entre nossos rabos,até que Anderson anunciou que ia gozar e esporrou na barriga com o pau do Expedito no cú…Geraldo me ordenou: Goza,porra…e meteu forte…bombou e gozeiiii melando meus peitos e barriga…Expedito tava fodendo Jobson que também gozou e lambeu a própria porra de tanto tesão. Me arromba todinha… E antes de gozar na buceta dela, tirei a pica e comecei a enfiar no cuzinho. Outra coisa que gostava era de sentar no colo do meu pai nos dois sem camisa, me aconchegava no teu peito sentindo seus pelos fazer cosquinha em minhas costas e ficava sentindo o seu calor, seu cheiro. fode essa tua puta…Quero ser tua puta !!!Aumentei os movimentos e as chupadas…Batia nas suas nádegas…ela gemia alto, dizendo: …Quero o pau, quero chupaarrr…adoro chuparrr… ela explodiu, gozando sem parar…tirei a boca, fiqui em pé e ela abocanhou o pau…fez entrar tanto, que senti a sua garganta…meus dedos continuavam fodendo a bucetinha dela, sentindo a quentura e o tremor dos músculos…o pau todo molhado entrava e saía da sua boca…Não aguentei e antes de explodir, tirei o pau…ela com as duas mãos, segurava entre os seios, me masturbando…meus dedos continuavam a invadir a bucetinha toda molhada…gozei jatos e jatos de leite quente entre os seios e nos mamilos endurecidos…Ela espalhou o líquido pelos seios…e com uma tesao dominadora, me agarrou pelos cabelos, fazendo chupar os mamilos durinhos e esfregando minha boca pelos seios molhados, gozando novamente.

ela- simsim sim, enfia denovo"Ele foi metendo, metendo bem de vagar, tirando e colocando, cada vez mais, até que eu senti seus pentelhos na minha bunda, o pau já estava todo dentro do meu cuzinho.

Afastei o negão de mim e abri suas calças.