Dona De Casa Ficou Sozinha Com Eletrecista Coroa

4 min

Categoria:

Tag:

visualizações

4 min

Categoria:

Tag:

Dona De Casa Ficou Sozinha Com Eletrecista Coroa

Dona De  Casa Ficou Sozinha Com Eletrecista Coroa

– “Esse lance de dormirmos juntos no caminho, na sexta-feira…”– “É para economizarmos grana, sua boba… Não tem sentido alugarmos um quarto a mais só para você ficar sozinha.

Meu marido que naquela hora era nosso marido pegou ela no colo deitou ela sobre os travesseiros da sala uma sena linda e começou a chupar aquele BUCETÃO enorme e suculento ele chupava que fazia barulho com vontade uma chupada que depois ela me confessou nunca ter sentido como sentiu a minha e a dele deixei os dois sozinhos e fui buscar os brinquedinhos que ela tinha guardado e cai de boca junto com ele sempre tive muita vontade de chupar aquela xana ela anuncio q iria gozar talvez achando que sairíamos abrimos a boca e seu leite foi escorrendo pelos nossos lábios e brigávamos com a língua pra ver quem sugaria até a ultima gota foi quando ela foi se contorcendo denovo e falou que ia gozar mais uma vez com as palavras dela CARALHO VOU GOZAR DE NOVO PUTA QUE PARIU amei aquilo de ver minha irmã satisfeita quando ela achou que tinha acabado até então por não saber muito como funcionava se espantou quando me viu com o consolo dela mesmo a penetrando as pernas dela tremiam e ela gaguejava de tanto tesão coloquei ele no cintinho e sentei ela encima de mim ela rebolava igual uma vaca no cio meu marido ficou em pé e ofereceu o pau ela segurava com ambas as mão e mamava como se não ouvesse outra depois daquela eu comecei a gozar só de penetra-la com seu consolo deitei ela e passei um gel na xaninha dela que escorreu pro seu anus ela ficou mas louca. Meu avô era um coroa bem inteirão sabe, não aparentava ter 63 anos.

Abraçou-a, ela de costas para ele, sentindo o pau dele crescer ao contato com suas coxas e sentiu as mãos dele pegando nos seios, por cima da blusa. "Com rapidez um de seus dedos me penetraram, fazendo-me soltar um gemido/grito, o seu dedo me invadia e brincava entrando e saindo, deixando-me ainda mais excitada.