Ester Tigresa Coloca Pra Regassar A Buceta No Sofá De Casa E Ainda Leva Porra

14 min

Categoria:

Tag: , ,

visualizações

14 min

Categoria:

Tag: , ,

Ester Tigresa Coloca Pra Regassar A Buceta No Sofá De Casa E Ainda Leva Porra

Ester Tigresa Coloca Pra Regassar A Buceta No Sofá De Casa E Ainda Leva Porra

Estava muito gostoso mas ainda iria melhorar, após deixar meu pau todo babado eu não me aguentei mais e terminei gozando na boca da safada que continuou chupando e engoliu tudinho.

Ao final da aula, todos os alunos se foram já que era a ultima, Larisse chegou pra mim e disse:– Fiquei pensando, acho que estou quase encarnando a persona da Lolita,o que eu faço professor quando um livro penetra na minha mente e quase vira realidade, me ensina o que faz? (e chegou no meio das minhas pernas enquanto eu continuava sentado na mesa) me ensina? e me deu um beijo no canto da boca colocando o número de whatsapp na minha mão e apertando forte. Quando ele liberou a rola notei que tinha pensado certo;ele se aproximou da buceta dela,me chamou e disse : pega e coloca na buceta dela. Nos vestimos rapido e enquanto ela abria a porta foi a minha vez de agradecer: ” Luisa, voce nao sabe o quanto eu te amo! OBRIGADO POR TUDO!!!”-Você está me rasgando toda, gostoso do caralho !enchendo a buceta da Júlia com minha porra.

Ainda sentados no sofá, jane com aquele vestido vermelho que deixava a motra a polpinha da bunda, sentou no meu colo, de costas pra mim, enquanto eu segurava os seus seios, eles cabiam perfeitamente nas minhas mãos, ela se encarregava de esfregar a buceta, que nessa altura já estava encharcada, no meu pau, ela ficou por muitos tempo se esfregando na minha pica, eu podia sentir a sua buceta molhando o meu pau de cima a baixo, ainda de calcinha, a qual com uma das mãos Jane puxava para o lado, ela pressionava a cabeça do meu pau contra o seu grelo, Jane esfregava meu pau na portinha da sua buceta, as vezes quase entrava, chegando a entrar meia cabecinha, ela se contorcia de tanta excitação, eu não não aguentava mais aquela provocação e estava doido pra ver minha pica entrando naquela buceta, que para a minha felicidade, era um pouco peluda e que de tão grande não cabia dentro da calcinha, foi então que algo em mim se engrandeceu e eu levantei do sofá disposto a meter logo naquela xereca, joguei jane em cima da mesa puxei a calcinha pro lado, dei uma pincelada na xereca dela com a cabeça da minha piroca apontando na entrada na buceta, pronto, agora era só empurrar, ia meter na pele, sem camisinha, porque queria sentir cada centímetro daquela buceta envolvendo meu pau, jane concordou mas um segundo depois gritou:Não resisti e meti a mão em baixo pra sentir aquele mijo que saia da sua buceta linda, e ela se assustou e tentou tirar minha mão, mas no meio desses movimentos bruscos acabou mirando em minha direção e me acertou com um pouco do seu xixi quente.

Ela voltou a sorrir e a exibir um rosto de tigresa, como se de uma forma enigmática se estivesse a divertir com a minha atrapalhação. A sala era extremamente clara, estéril, perfeitamente organizada.