Funkeira Rebolando O Cu Na Pika

visualizações

61 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , ,

Funkeira Rebolando O Cu Na Pika

Funkeira Rebolando O Cu Na Pika

Ela olhou para mim e disse: posso tirar? Esse homem esta matando a cena. só conseguia chupar a glande da cabeça… enquanto tentava sugar o pau de Sérgio, Pedro se alinhou por trás para me penetrar…. Depois ele colocou o pau na portinha do meu cuzinho e foi empurrando, bem de vagar Zinho, aquele pau duro foi entrando no meu cuzinho e foi ocupando o espaço vazio, quando já tinha entrado tudo, ele começou a fazer o movimento de vai vem, eu sentir as bolas do seu saco batendo na minha boceta, ai eu tive a certeza de que o seu pau, estava todinho dentro do meu cuzinho, que até então era virgem e apertadinho, quando já não sentia mais dor, eu comecei a rebolar, para aumentar o seu tesão e fazer ele gozar mais rápido, ele começou a socar com mais força e bem mais rápido, aquilo ficou delicioso, eu já estava me sentindo bem mais a vontade e comecei a rebolando bem mais rápido e gemia de prazer e de tesão.

Laura deita no forno de fazer farinha toda arreganhada Tereza nossa irmã chupando o bucetão da mãe e Maria a outra irmã de cocoras na cara da mãe fazendo a coroa chupar ela uma putaria só, fiquei de pau duro, Raimundo também olhamos um pro outro parece que leu pensamento um de outro partir pro rabo de Tereza que estava todo escancarado e Raimundo subiu no forno botando Maria pra chupar sua pica. Abri outra cerveja e sentei-me ao seu lado na cama e enquanto bebiamos acariciava seu pau.

O gosto não muito diferente dos outros mas acho que o cheiro do corpo misturado com o perfume fazia ser diferente, ele coloca sua mão com os dedos entre meuscabelos e tira minha boca de onde estava, olha pra mim e me pergunta se gosto de chupar, eu olhando pra ele com uma cara séria mas com um ar de devassa digo que adoro,novamente ele me faz chupar e me pergunta do que eu gostaria de ser chamada, respondi do que ele quiser chamar, então ele segurando minha cabeça se encosta no sofá abreas pernas e diz – então vagabunda engole minhas bolas; ele força meu rosto e minha boca contra elas varias vezes até coloca-lo na minha boca e dizer: – engole esse cacetevagabunda, nào sabia ele ou sabia, que adorava e estava sentindo falta daquilo. quando ela sentiu o mastro duro na regada, ela parou de pressionar a bunda nele.

passou um tempinho e olha ele me gritando, pedia a sua cueca, então disse que não sabia, e falei para colocar só o short mesmo.